Resenha Jardim de Inverno



Jardim de Inverno
Kristin Hannah
Novo Conceito, 2013

         Sinopse: Meredith e Nina Whiston são tão diferentes quanto duas irmãs podem ser. Uma ficou em casa para cuidar dos filhos e da família. A outra seguiu seus sonhos e viajou o mundo para tornar-se uma fotojornalista famosa. No entanto, com a doença de seu amado pai, as irmãs encontram-se novamente, agora ao lado de sua fria mãe, Anya, que, mesmo nesta situação, não consegue oferecer qualquer conforto às filhas. A verdade é que Anya tem um motivo muito forte para ser assim distante: uma comovente história de amor que se estende por mais de 65 anos entre a gelada Leningrado da Segunda Guerra e o não menos frio Alasca. Para cumprir uma promessa ao pai em seu leito de morte, as irmãs Whiston deverão se esforçar e fazer com que a mãe lhes conte esta extraordinária história. Meredith e Nina vão, finalmente, conhecer o passado secreto de sua mãe e descobrir uma verdade tão terrível que abalará o alicerce de sua família… E mudará tudo o que elas pensam que são.

“Nós, mulheres, fazemos escolhas por outros, não por nós mesmas, e, quando somos mães, nós... suportamos o que for preciso por nossas crianças, você vai protegê-los. Isso vai doer em você, isso vai doer nelas. Seu trabalho é esconder que seu coração está se partindo e fazer o que elas precisam que você faça.” p. 287-288

As irmãs Whitson sempre viram sua mamãe como uma princesa de gelo, uma mulher seca e distante, que sempre pareceu alheia as filhas. O pai das meninas, Evan, é quem sempre estava com elas, dando-lhes o carinho que precisavam e mereciam. Diferentemente de outras famílias, Meredith e Nina cresceram sem tradições, sem lembranças felizes, sem datas a serem comemoradas.
Anya é russa e apesar de alheia as filhas todas as noites ao pôr as meninas na cama, na escuridão do quarto ela contava-lhes o conto da camponesa e o príncipe, mas até isso cessou após mais uma tentativa de aproximação das meninas.
Décadas se passaram desde a infância, mas as marcas deixadas pela ausência da mãe permaneceram na memória das irmãs. Pouco mudou, Evan continua sendo o alicerce da família, um ponto de ligação. Anya, a rainha do gelo, continuava distante, isolada em seu precioso jardim de inverno.
Nina é uma importante jornalista, que corre o mundo em busca das maiores tragédias, registrando-as por fotos, divulgando-as em revistas e jornais. Meredith casou-se com o amor de infância, teve duas filhas, toca o negocio da família, mas no fundo é uma mulher frustrada, sempre teve que impor a vida e vontades dos outros e dessa forma se coloca em segundo plano. Ela está sempre trabalhando, cansada e com um casamento desgastado.
Após um infarto o pai das meninas não sobrevive, mas deixa um pedido à Nina: conhecer a mãe, verdadeiramente, através do velho conto de fadas das poucas lembranças das meninas.
Fazer Anya falar é fazê-la se lembrar e isso não será fácil, mas Nina não está disposta a desistir de cumprir a promessa feita ao pai em seu leito de morte e por mais que Meredith não queira se envolver isso já está intrínseco a ela.
O conto de Anya na verdade é a história dela mesma em Leningrado durante o governo ditatorial de Stalin. A juventude marcada pela sombra do Cavaleiro Negro que representava a opressão que os opositores sofreram.
Em um relato emocionante conhecemos mais sobre a perda, dor, fome, miséria e as dificuldades dos mais pobres em meio à uma segunda guerra que destruiu pessoas, famílias e cidades.

“Eu sou o que o medo faz com uma mulher” p. 353

Conhecemos, entendemos, simpatizamos e até rezamos para que essa família consiga se restabelecer e ter a comunicação tão necessária, mas tão escassa. Preparem-se, é de levar lágrimas aos olhos, é emocionante ler como são tratados os conflitos internos e externos das personagens, três mulheres tão diferentes e ao mesmo tempo tão parecidas.
 Jardim de Inverno deixa uma marca na alma, nunca o frio terá o mesmo significado após a leitura. Leia, encante-se, comova-se e acima de tudo apaixone-se.

26 comentários:

  1. Oi Thaila!
    Esse livro parece ser muito emocionante! Ainda não li nenhum livro dessa autora, mas sempre vejo resenhas positivas dos livros dela.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu me surpreendi bastante, ja imaginava emoção, entretanto superou minhas expectativas

      Excluir
  2. Oi Thaila!
    Tenho esse livro e a cada resenha que leio fico mais interessada, só que não acho que estou em um momento propício para lê-lo, já choro à toa, imagina com uma trama dessas, rsrs.
    Bj!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. realmente Gladys, é bom esperar um pouquinho, pois nessa trama a emoção é forte!

      Excluir
  3. Oi Thaila!
    Esse livro é lindo! Adoro histórias que tenham como pano de fundo, um fato histórico. A Anya, em especial, me surpreendeu e conquistou a minha simpatia. Adorei a sua resenha! Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. realmente Katia, a história com um enredo forte nos atrai e a história fica mais real!

      Excluir
  4. Oi lindona!

    Já tem um tempo que tenho em casa livros dessa autora, mais não li ainda. Sempre vou deixando de lado. Só essa semana é a terceira resenha positiva desse livro. Acho que não vou demorar para ler
    ;D

    Cintia
    www.theniceage.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acredito que quando ler seu único arrependimento terá sido não ter lido antes

      Excluir
  5. Eu acho este livro tão encantador, desde capa, nome, sinopse. Sua resenha fez eu me apaixonar mais ainda!
    p.s. Teu blog tá lindo, já estou seguindo!

    http://vicioseliteratura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Já faz um tempinho que estou com esse livro aqui
    Mas nunca peguei para ler
    Depois da sua resenha, fiquei bem curiosa

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. leia Ângela e depois conte o que achou, mas prepare os lencinhos

      Excluir
  7. Thailinha, estou louca para ler mais um livro da Kristin Hannah, pois me apaixonei pela duologia Firefly Lane. Já tenho Jardim de Inverno aqui e agora, com sua resenha tão caprichada, deu mais vontade de ler.
    Achei o enredo muito similar ao de Amigas para Sempre: uma bem sucedida e outra dona de casa, uma realizando sonhos profissionais e outra imaginando que sua vida poderia ser diferente, mas que no fundo é feliz pela familia que formou...
    O que mais me atraiu aqui foi o misterio dessa mae.
    Preciso ler, Kristin Hannah garante muita emoçao e faz bem à saúde! rsrs
    Beijo!

    Ler para divertir

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. todo o enredo está construido para prender o leitor que quer mais, quer saber mais, quer ler mais

      Excluir
  8. Estou com o livro aqui, minha mãe leu e amou, e eu nada de ler ainda :(
    Você viu que eu até leio bastante, mas sempre acabo passando outro na frente.

    Gostei muito de saber do que se trata, é sempre bom ler mais uma opinião, ainda mais quando é positiva!

    Bjks

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. L~e é uma das leituras mais emocionantes do ano! com certeza marcou!

      Excluir
  9. Oi Thaila,
    Já li bons comentários sobre esse livro que parece ter uma trama emocionante, além disso sua capa e linda. Espero ter um oportunidade de lê-lo no futuro.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é um ótimo livro, reflexivo e ao mesmo tempo atual!

      Excluir
  10. Parabéns pela resenha Thaila! Estou ansiosa para ler Jardim de Inverno! Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que leia e se encante. Quero ler sua opinião depois :)

      Excluir
  11. Esse livro já está a um bom tempo na estante do skoob, a historia parece ser muito lindo e a capa é bonita, gostei da capa.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Denise não perca tempo e embarque nessa leitura emocionante

      Excluir
  12. Nossa! ótima resenha!!!! Ainda não li mas agora vai para lista RSR
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu papel é dar boas dicas e fico feliz com a resposta positiva

      Excluir
  13. Nossa, este livro foi o que fez eu me apaixonar pela Kristin Hannah. Ela é uma autora que faz a gente se apaixonar pela história e pelo personagem! Amo demais ela.

    Beijos

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. foi minha primeira experiência com a autora e adorei!

      Excluir

Deixe sua opinião, ela será muito bem vinda e levada em consideração para promover melhorias!

 

felicidade em livros 2013 - 2015 * Template by Ipietoon Cute Blog Design Modificado por Fabiana Correa