Mensagem de Ano Novo

Desejo à vocês, meus leitores...



2014 já ta quase no fim, falta tão pouquinho para nos despedirmos de um ano que com certeza não vai deixar saudades. Resolvi por no papel algumas metas para este novo ano, em principio seriam 15, mas acabei deixando as motivações correrem soltas...



Claro que algumas são bem bobinhas, outras exprimem meus maiores anseios. Outras são ilusórias, mas faz parte. Quem consegue, afinal, comprar livros à cada dois meses?
São na verdade pequenos estímulos e sonhos, ambições comedidas e edificações para o futuro de realizações.
Eu quero que o blog cresça,
Quero ser uma colunista melhor (Promessa Fabi),
Quero estudar mais, me preparar pro mestrado que é um sonho desde pequena,
Quero ter mais prazeres cotidianos, encarar a vida com mais leveza,
Quero saber me expressar mais, quero saber pedir e aceitar ajuda,
Quero sorrir mais e se chorar que seja de felicidade,
Quero que outros sonhos não postos no papel se realizem,
Quero que 2015 seja melhor para todos nós!!!!


E que venha 2015 na companhia de todos vocês!!!!!

Resenha Austenlândia



Austenlândia
Shannon Hale
Record, 2014
Sinopse: Jane Hayes tem 33 anos e mora na Nova York atual. Bonita, inteligente e com um bom emprego, ela guarda um um segredo constrangedor: é verdadeiramente obcecada pelo Sr. Darcy. Embora sonhe com ele, os homens reais com os quais se depara são muito diferentes dos que habitam sua fantasia. Justamente por isso, ela decide deixar de lado sua vida amorosa e aceitar seu destino: noites solitárias aconchegada no sofá assistindo a Colin Firth em seu DVD.
Porém, esses não são os planos que sua rica e velha tia-avó Carolyn, tem para a moça. A única a descobrir o segredo de Jane deixa, em seu testamento, férias pagas para a sobrinha-neta na Austenlândia. A ideia é que Jane tenha uma legítima experiência como uma dama no início do século XX e consiga se livrar de uma vez por todas de sua obsessão. Contudo, para isso, ela terá que abrir mão do celular, da internet e até do uso de sutiãs em troca de tardes de leitura, espartilhos e... a companhia de belos cavalheiros.

Quem nunca se pegou suspirando pela história de amor protagonizada e eternizada por Elizabeth Bennet e Fitzwilliam Darcy? Quem nunca em seus sonhos mais loucos quis viver naquele universo criado por Austen nos primórdios do século XIX? E se você soubesse que existe este lugar? Você se arriscaria a viver uma verdadeira viagem histórica?
Jane Hayes viverá essa experiência.
Como uma autentica nova-iorquina moderna do século XXI até o último fio de cabelo, ela carrega um segredinho: tem uma verdadeira obsessão pelos enredos de Austen, principalmente Orgulho e Preconceito, ela vive buscando em todos os seus relacionamentos um senhor Darcy que não existe e pelo visto essa oportunidade de viver na Austenlândia tem o intuito de ser terapêutico, tipo: viva e desapega!
Só que nem tudo em Austenlândia são flores. Viver em pleno século XIX com espartilhos, sem celular, linguajar  polido, um lugar bucólico e sem outras comodidades pode ser bem inconveniente. Afinal, quem você se torna quando finge? O que é real? O que é encenação?
“Não tinha mudado. Estava afundada até os joelhos na mesma lama romântica havia anos e nem se importava mais.” p. 23
Quem seria o Sr. Darcy de Jane? Ou melhor, da senhorita Erstwhile? Com certeza não seria o taciturno Sr. Nobley que com seu ar de indiferença tem tornado os dias de Jane ainda mais complicados!
Curti bastante da história, assim como Jane já me vi quebrando a cara em alguns relacionamentos e idealizando outros tantos, almejando a perfeição e me fechando em uma ilusão que só existe em um mundo paralelo, vamos dizer a minha própria Austenlândia.
Shannon foi simplesmente brilhante ao explorar um tema e uma época que fazem a mulherada sonhar, me fez transportar de mala e cuia para o século XIX. Mas se eu fosse ela teria explorado melhor o final, não é que tenha críticas, mas gostaria de ter mais aventuras e desventuras de Jane.

Resenha Indomável



Com a aproximação de mais um final de ano quis trazer uma resenha de um livro que muito me fez bem e que gostaria que também pudesse fazer o mesmo por todos que lerem!

 

Indomável - Nick Vujicic

Novo Conceito, 2013

Sinopse: Milhares de pessoas já conhecem o rosto sorridente e a mensagem revigorante de Nick Vujicic, o coach motivacional que é, ele mesmo, uma motivação para todo o mundo. Apesar de ter nascido sem braços nem pernas, Vujicic não deixou de desfrutar de grandes aventuras, desenvolver uma carreira excepcionalmente compensadora e viver significativos relacionamentos amorosos. Nick Vujicic consegue superar as provações e dificuldades de sua vida ao concentrar-se na certeza de que nasceu com um propósito único e relevante. E não importa o quanto tudo pareça, às vezes, desesperador e difícil, Nick continua a acreditar, porque ele sabe: seu poder é desencadeado quando a fé entra em ação. E esta experiência de fé, esta certeza de que a dificuldade está aí para ser superada, pode ser conquistada por qualquer pessoa que realmente queira ter uma vida inacreditavelmente maravilhosa. As adversidades do mundo moderno como: problemas de relacionamento; desafios da carreira e do trabalho; preocupações com a saúde; pensamentos autodestrutivos e vícios; bullying e intolerância são infortúnios que podem ser descartados. É realmente possível conquistar o desejado equilíbrio entre corpo e mente; coração e espírito. Mas esta é uma conquista que demanda know-how;um conhecimento que Nick Vujicic tem de sobra — e está disposto a compartilhar.



Quando a vida te derruba o que você faz? Chora as pitangas ou se levanta de cabeça erguida pronto para seguir em frente? Nick nos mostra em 239 páginas que a única opção é seguir haja o que houver.
Nick não teve uma vida fácil, com uma doença rara que lhe causou má formação fetal, ele nasceu sem braços e pernas. Regado de dúvidas e ansiedades a adolescência dele não foi fácil, teve que lidar com a crueldade de seus colegas e com o medo de ser um fardo para seus entes queridos. A agonia e a depressão tomaram conta dele, mas nesse instante ele percebeu que sua fé era seu único escudo.
Trabalhando como evangelizador, Nick rodou o mundo levando sua palavra de fé e esperança. Em muitos casos ensinou, mas também foi ensinado pelas pessoas com quem conversou. Além de conhecermos a vida de Nick podemos também conhecer e nos identificar com histórias de pessoas que ajudam a compor a vida de Nick.
Quantas vezes na sua vida as coisas não surgiram como você desejava? Quantas vezes se sentiu frustrado? Sem esperança? Seria apenas azar ou a ação de Deus?

“Claro que Deus pode dizer “não” para seu plano num determinado dia, mas no dia seguinte Ele pode dizer “sim” para algo ainda melhor. Você não sabe o que Deus pode fazer por sua vida até entregá-la a Ele e sentir a bênção da sua relação com Ele” p. 188

De morei muito para terminar a leitura, para mim não era um livro para ser lido, mas para ser sentido página a página. Fui lendo outros livros, porém na hora de dormir, depois de um dia cheio e cansativo precisava do momento de sabedoria ao lado de Nick, é fácil imaginá-lo em uma conversa, em um momento de consolo!
Com vários temas discutidos ao longo dos capítulos Nick comenta a importância da fé, suas palavras acalentam e estimulam-nos a sermos melhores.
“Quando as coisas em sua vida não fazem sentido, continue orando. Pergunte a Deus o que Ele quer que você faça e permita que Ele o cure internamente. Ele entende que você e eu não somos perfeitos. Somos obras em andamento, mas devemos deixá-lo trabalhar dentro de nós” p. 137
Só digo uma coisa: leiam, emocionem-se, renovem-se e vivam seus dias de forma indomável, que as dificuldades te tornem mais fortes!

Harlequin lança...



Queridas o ano ta quase acabando, mas a Harlequin já mostra o que reservou para 2015!

 Vamos começar 2015 com muito amor? Então se prepare para conhecer os destaques de janeiro:
v  -“Rivais da Coroa de Kadar”, com duas historias inéditas da autora Kate Hewitt;
v  Susan Mallery com o romance “Amor Delicado”
v  “Noiva de Momento” de Leanne Banks;
v   Noites Quentes de Verão – GRÉCIA!
 Gostou?! Tem muito mais no HR News! Confira abaixo:


As histórias “Paixão” são sempre avassaladoras
 




 



Vamos com um histórico daqueles de fazer suspirar só de olhar a capa?
 





Flor da pele é à flor da pele mesmo...
 


Olha os destaque do mês chegando!!!




Histórias pra fazer suspirar


 






 

felicidade em livros 2013 - 2015 * Template by Ipietoon Cute Blog Design Modificado por Fabiana Correa