Resenha Sintonia de Corações




Sintonia de Corações
Título Ortiginal: What's Cooking?
Rose Cottage Sisters #2
Rainhas do Romance Ed. 115
Sherryl Woods
Harlequin, 2016
Sinopse: Uma receita apaixonante!
Pegue uma dose de Maggie D’Angelo, a crítica culinária que nunca teve um relacionamento sério, e adicione Rick Flannery, um lindo fotógrafo determinado a seduzi-la. Misture tudo e acrescente irmãs intrometidas que acham que ele é o homem perfeito para apimentar a vida de Maggie. Apesar da reputação dele ter deixado um gosto amargo na boca de Maggie, o que sentem um pelo outro é muito mais do que apenas atração. Ela teme que essa receita desande e faça uma verdadeira bagunça em seu mundo metódico. Contudo, Rick está disposto a correr o risco para conseguir o resultado mais delicioso de todos: a conquista do verdadeiro amor.

Maggie é uma mulher insegura, seus antigos relacionamentos são a prova dessa insegurança e instabilidade: ela não consegue manter o interesse de um homem e agora que Rick Flannery apareceu em sua vida ela sente que não demorará a ter seu coração partido por ele, por isso ela decide não dar a ele essa oportunidade e parte rumo a Rose Cottage que parece ter ganhado o status de reduto curativo de corações.

Tudo o que Rick sabe sobre Maggie é que além de linda e dedicada ao trabalho ela o deixou. Sumiu do mapa. Escapuliu... mas ele não irá perder a única mulher que mexeu com sua vida tão facilmente.

A trama não me conquistou tanto quanto a anterior, para mim o relacionamento de Maggie e Rick foi marcado por pequenas infantilidades que não deram graça a trama, mas sim uma enrolação desnecessária, ambos são personagens que não crescem tanto quanto deveriam (e na medida que eu esperava) ao longo da trama.

A leitura foi arrastada exatamente pela minha dificuldade em me ligar aos personagens, pois eu realmente só pensava em como eles iam dar conta de estragar tudo quando eu pegava o livro.

Apesar disto, mais uma vez fica nítido o já previsível enredo familiar de Sherryl, a autora se vale do sentimento de interligação entre as irmãs e a incrível afinidade entre elas, demonstrando que mais uma vez ninguém consegue viver sem alguém para apoiar e consolar. Essa lealdade e amizade dão alguns pontos favoráveis à trama, mas não pontos suficientes para salvar a trama, ao menos para mim. Aguardo a próxima história para tirar a “maldição do segundo livro”.

4 comentários:

  1. Oi Thaila!
    Eu tenho a mesma opinião que você, a leitura desse livro se arrastou! Vamos ver se no próximo melhora, foi a primeira vez que a Sherryl me decepcionou.

    Obs: Tem sorteio novo no blog!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  2. Oie Thaila =)

    Eu a vida toda dizendo que nunca tinha lido nada da Sherryl, quando na verdade não só li como tenho um livro dela aqui em casa (shame) XDD.

    Mas vamos dar um desconto que li O Mundo de Megan (ótimo por sinal), há uns dez anos já rs...

    Pena que esse livro a narrativa foi meio arrastada. Nem sempre um autor que gostamos consegue alcançar nossas expectativas =(

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  3. Olá Thaila,
    É mesmo muito ruim quando não conseguimos nos ligar aos personagens. Achei bem ruim saber que o relacionamento dos protagonistas foi marcado por problemas infantis e, por não gostar disso, vou deixar a dica passar.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  4. Que pena que não curtiu tanto quanto os outros... É, isso acontece. Infelizmente.

    Bjks

    Lelê

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela será muito bem vinda e levada em consideração para promover melhorias!

 

felicidade em livros 2013 - 2015 * Template by Ipietoon Cute Blog Design Modificado por Fabiana Correa